Posts tagged ‘zara’

Nada se cria…

Estamos numa época de cópia ou sempre copiamos e agora estamos percebendo isso de maneira clara? Eu soube essa semana que em muitos setores da indústria não existe o copyright. Você pode criar, mas não tem direito de impedir que outra pessoa faça algo praticamente igual ao seu e, dependendo do caso, ganhe até mais dinheiro com algo que você criou. Descobri também, que a Miu Miu, aquela grife francesa poderosíssima, fez muito sucesso recentemente às custas de uma ideia brasileira. Vocês estão sabendo? Não? Pois dá uma olhadinha nesse infográfico abaixo, que a revista Superinteressante veiculou esse mês:

E um monte de gente achou um ABSURDO a Zara copiar DESCARADAMENTE a estampa da Miu Miu. rs. Mal sabem que a Miu Miu foi quem copiou primeiro… ou será que ela teve essa brilhante ideia de estampar gatinhos nem nenhuma influência das peças da Cris Barros? Não sei não.

E depois eu descobri ainda, que a tal da estampa foi lançada por uma marca da década de 70 chamada Biba!

Aí, minha gente, nessa hora ninguém pode dizer mais nada. Quem copiou quem? Não dá nem para brigar por isso, né? Mas, uma coisa que não se pode negar é o sucesso feito pelos bichanos. Muuuita gente aderiu:

Clique aqui para ver vídeo da menina vestida de MiuMiu.

Miau procês!!!! 🙂

Fonte: Revista Superinteressante
Imagens via: 1, 2 , 3, 4 , 5 e 6
Anúncios

05/11/2010 at 11:37 Deixe um comentário

Pode ou não pode?

Aconteceu um caso um tanto peculiar na blogosfera. Betty, a dona de um blog superfamoso, chamado LeBlogdeBetty, descobriu uma coisa, que pelo visto não a agradou. A Zara produziu uma camiseta, que pessoalmente até achei bonitinha, com um desenho estilizado de uma foto dela, que provalvemente ela deve já ter postado no seu blog.

O mundo é muito estranho. Porque se ela não fosse uma blogueira internacionalmente famosa em busca de um lugar na tela de um computadorzinho que seja, estaria lisonjeada com a tal ousadia da Zara. Porém, a garota parece meio enfurecida com a homenagem.

Claro que, no mínimo foi muita burrice do pessoal da Zara não ter pelo menos avisado sobre a tal camiseta. Porque, minha gente, o que custava o tal do marketing da loja ligar, avisar ou perguntar se poderia fazer tal coisa?

Direitos de imagem existem nesse louco mundo virtual de todos? Será que a Zara pensou que ela nunca fosse ver a tal camiseta?

E agora, José?

Bem, o que eu acho ainda é que no fundo pode ser um puta golpe de marketing! Eu sei que achei bem legal a idéia da camiseta com o desenho estilizado. Daria uma boa promoção! 😛

[imagens retiradas do próprio blog da garota! espero que ela não fique chateada e nem queira me processar! rs!]

23/05/2010 at 00:59 Deixe um comentário

Brincadeira fashion

O que existe de softwares/aplicativos voltados pro mercado de moda hoje, não é brincadeira. Aliás, o nosso relacionamento com o computador e o celular, na verdade torna esse fato tecnológico uma brincadeira gostosa. As marcas, claro, já perceberam isso. Já foram lançados vários softwares que se envolvem de alguma forma com o mundo da moda e estimulam o relacionamento com o consumidor.

A Zara, um dia desses, lançou um aplicativo pro Iphone onde as pessoas poderiam ver o lookbook, catálogo, as novidades da marca e as coleções . Estão no mesmo passo tecnológico Ralph Lauren, Chanel, Hugo Boss, Gucci, Victoria’s Secret, Donna Karan, entre outras. O desenvolvimento desses aplicativos para o Iphone já segmenta o público que se quer atingir: os hypes endinheirados.

Seguindo a linha mais democrática e acessível, a Koleston produziu um aplicativo onde é possível escolher a maquiagem, o tipo de cabelo e até o tom que a gente acha mais bonito, de acordo com a cartela de cores de suas tinturas. Como pode ser acessada por um link, a maioria das pessoas podem brincar de produção de beleza virtual. É só clicar aqui e experimentar.

Esse tipo de software é similar ao das redes sociais de moda, onde você pode coordenar peças e acessórios de diferentes marcas. A Polyvore é a mais famosa, e creio eu, a pioneira. Por aqui, já existe uma Brazuca que se chama ByMK. Tudo bem que na internet não importa tanto assim a origem do site. Se for em inglês ou espanhol já dá para gente interagir. Mas, o legal do site ser produzido por brasileiros é que você pode comprar roupas de marcas nacionais, aquelas que você escolheu para a coordenação do look virtual e quis ter dentro do armário para passear com ela por aí, qualquer dia desses.

Moda e tecnologia brincando de mãos dadas.

26/01/2010 at 13:30 Deixe um comentário


Por trás e atrás da moda que pega…

Já pegou por aqui


%d blogueiros gostam disto: